Negocios

Produtor diz que agiu por 'impulso' após ameaçar 'caçar' atrizes que recusaram papéis em SP

Venezuela
Polémica salarial: el Pit-Cnt asegura que «planteo de los empresarios es ilegal»

O produtor diz, ainda, que não ameaçou a integridade física das jovens. “Para um crime real de ameaça, tem que haver intenção de dolo”, explica. “Agora, eu estou no Distrito Federal, eu não vou sair daqui para ir a Santos atrás de uma dançarina”

Produtor diz que agiu por 'impulso' após ameaçar 'caçar' atrizes que recusaram papéis em SP Produtor afirma que, desde quando uma das jovens divulgou as conversas nas redes sociais, vem recebendo dezenas de ameaças de morte. Por Juliana Steil, G1 Santos

06/07/2021 05h05 Atualizado 06/07/2021

1 de 3 Produtor diz que está recebendo ameaças de morte após repercussão — Foto: G1 Santos Produtor diz que está recebendo ameaças de morte após repercussão — Foto: G1 Santos

O produtor audiovisual acusado de ameaçar e ofender atrizes após ter trabalhos recusados por elas disse que agiu por “impulsividade” e que não tem intenção de machucá-las. Ele, que atualmente vive fora do litoral de São Paulo, disse, ainda, que está recebendo dezenas de ameaças de morte.

O G1 ouviu três jovens atrizes que acusam Hugo Rodrigues da Cunha Silva, de 29 anos, de ameaçá-las e ofendê-las após elas recusarem propostas de trabalho para uma série . Duas delas registraram boletins de ocorrência por injúria, sendo que uma delas é menor de idade.

Hugo disse ao G1 , por telefone, que as ofensas proferidas às atrizes ocorreram durante discussões, e que não foram “ataques gratuitos”. “Fica parecendo que só eu fiquei escrevendo, mandando áudio atrás de áudio, mas não. É muito fácil, a pessoa vai e te provoca. Você se toma de raiva, briga com a pessoa ali, e ela pega e tira as partes que ela quer e põe na internet para aparecer”, justifica.

O produtor diz que se irritou com as jovens porque teve seu trabalho desrespeitado. “Pode recusar, mas não diz que é mentira”, disse. “Não vou aceitar desrespeito e não vou continuar aceitando. Se não quer brigar, não entra em contato comigo”.

2 de 3 Hugo ameaçou atriz mesmo após ele ter sido bloqueado em aplicativo de mensagens — Foto: G1 Santos Hugo ameaçou atriz mesmo após ele ter sido bloqueado em aplicativo de mensagens — Foto: G1 Santos

No entanto, Hugo, que tem uma produtora em São Paulo, admite que agiu por impulsividade. Questionado se voltaria a repetir as ofensas e ameaças às atrizes, o produtor diz que “depende”. “Sou muito impulsivo. Hoje, por exemplo, estou muito calmo. Mas numa quinta-feira, que é um dia mais pesado, é muito difícil ser gentil com as pessoas”.

O produtor diz, ainda, que não ameaçou a integridade física das jovens. “Para um crime real de ameaça, tem que haver intenção de dolo”, explica. “Agora, eu estou no Distrito Federal, eu não vou sair daqui para ir a Santos atrás de uma dançarina”.

O produtor explica que está fazendo seleção de casting para sua nova série adolescente, que se passa em um estúdio de dança em São Paulo, e trata, em alguns momentos, de assuntos delicados, como a cena de estupro citada por uma das jovens ofendidas. “O artista empresta seu corpo para dar vida à arte. Se não serve, é só recusar”.

1 min Adolescente de 17 anos também recebeu ameaças e xingamentos em áudio de produtor

Hugo diz que pretende entrar com uma ação judicial contra a atriz de 17 anos, que divulgou seu nome ao fazer um vídeo expondo as conversas nas redes sociais. Ainda afirma que, caso seja intimado para responder às denúncias feitas pelas outras atrizes, e for provado que ele é inocente, também irá processa-las por denúncia caluniosa.

Outra vítima tem 22 anos e é moradora de Praia Grande, no litoral paulista. Ela, que preferiu não se identificar, relatou que o produtor disse que iria 'caçá-la', ao ter seu projeto recusado pela profissional. No áudio enviado por ele, ao qual a reportagem teve acesso, Hugo diz que 'vai caçá-la que nem um animal' (ouça o áudio abaixo) .

“Quer saber? Vou resolver na Justiça não, vou resolver do meu jeito. É o seguinte, chama os seus favelados aí, que eu mando todo mundo para o inferno junto. Eu estou em São Paulo, chamei minha galera e estamos indo aí agora. Eu vou te achar, vou te caçar que nem um animal. Eu juro, eu acabo com você. Bloquear é pior. Ou resolve numa boa ou é por guerra. Se bloquear, eu colo aí”, ameaçou o produtor.

1 min Produtor enviou ameaças em áudio após atriz de 22 anos recusar proposta

Hugo explica que, quando disse que pretendia caçar a atriz, quis dizer no campo profissional, “a queimando” para outros produtores e profissionais do ramo, para que ela não consiga mais trabalhos na área.

Ameaças de morte

O produtor afirma que, desde quando as atrizes começaram a divulgar as conversas nas redes sociais, vem recebendo dezenas de ameaças de tortura e morte por desconhecidos de todo o país. Nas mensagens, os desconhecidos dizem que sabem o endereço e os telefones dele, e que, em breve, ele será encontrado. Uma diz, ainda, que os dias dele “estão contados”.

3 de 3 Produtor diz que está recebendo ameaças de morte depois de repercussão do caso — Foto: G1 Santos Produtor diz que está recebendo ameaças de morte depois de repercussão do caso — Foto: G1 Santos

Sobre as ameaças, que chegam por aplicativos de mensagens e pelas redes sociais pessoais dele, Hugo disse apenas que ignora e bloqueia os números remetentes e perfis dos usuários, quando necessário.

Inocentado de acusação de estupro

Hugo Rodrigues Cunha Silva foi preso em 2014 acusado pelo crime de estupro de vulnerável. Ele chegou a ser preso em Goiânia, onde foi torturado por outros detentos, mas foi inocentado em 2016, por falta de provas. Hugo conseguiu ser indenizado pelo Estado de Goiás. No mesmo estado, ele também responde a outros processos por ameaça, que ainda estão em andamento.

VÍDEOS: As notícias mais vistas do G1

200 vídeos